A alcachofra é uma planta herbácea, nativa da região mediterrânea, que compreende o sul da Europa e o norte da África.
As partes comestíveis da alcachofra são estas brácteas, conhecidas popularmente por escamas ou pétalas, que apresentam uma base carnosa, e se inserem em um recetáculo também carnoso, achatado e comestível. Produz numerosos frutos do tipo aquênio. As principais variedades de alcachofra são: Violeta de Provença, Roxa de São Roque, Verde Laon, Camus da Bretanha e Roxa da Romanha.
As alcachofras devem ser colhidas antes da abertura das flores, com as brácteas ainda aderidas e arroxeadas, pois tornam-se muito duras depois. Elas podem ser preparadas cozidas ou assadas em diversos pratos quentes ou até mesmo em deliciosas conservas. Os “espinhos” das brácteas só devem ser retirados após o cozimento. É uma hortaliça muito nutritiva, saborosa e requintada, valorizando refeições especiais. Pode ser plantada também como ornamental, principalmente como flor de corte, durante o florescimento.