Ervas aromáticas, Temperos, chás e ervas medicinais

 

Antigamente ouvia sempre alguém mais velho à receitar arruda ou palha Teixeira para quem tinha dor de barriga, cravo de burro/cravo de maria para quem tinha gripe ou constipação, chá de casca de cebola para quem tinha tosse etc... Muitas vezes eu tomava obrigado pela minha mãe, e por outras não tomava porque em casa minha mãe sempre tinha medicamentos. O mundo hoje é diferente há inúmeros medicamentos que qualquer pessoa pode comprar desde que tenha uma receita medica, houve assim uma descrença e desuso das ervas medicinais da nossa terra, que antes eram os únicos medicamentos que tínhamos.

Recentemente houve um despertar em mim para este assunto ervas medicinais, notei também ao interessar-me por este assunto que há muitas pessoas que não só acreditam como usam, hoje em dia esta comprovado o valor medicinal de tantas ervas que até são usados para fabricar medicamentos. Com certeza os medicamentos são muito mais eficazes que um chá, visto que, nestes os compostos benéficos são mais concentrados, mas vale a pena realçar que alem dos compostos benéficos têm na sua composição produtos químicos que um dia podem prejudicar o nosso organismo.

Gosto muito de cozinhar, é muito comum o uso de ervas aromáticas nos meus pratos! Dão ao peixe ou a carne um sabor especial e interessante, mas também, o que eu nunca tinha pensado, trazem muitos benefícios para a nossa saúde e bem estar; Sempre que se fala de temperos, fala-se de sabor e nunca dos efeitos na nossa saúde por isso pouca gente sabe disso. Neste site podes ficar a saber que benefícios são esses, vais conhecer as ervas medicinais que cultivamos e oque podem curar ou prevenir. Cada artigo é resultado de muita pesquisa e confrontação de diversas opiniões que encontrei durante as minhas pesquisas.

 

Trabalhar na prevenção


Alem das propriedades curativas das ervas, têm também propriedades preventivas.
Com as ervas do nosso jardim e muitas outras que não tenho, mas tenciono arranjar, pode-se prevenir muitos males e doenças, têm capacidades de ajudar o corpo na desintoxicação, ajudam a relaxar, a melhorar o sono, prevenir problemas cardiovasculares e até câncer. Fazer u uso diário de certos chás faz muito bem ao corpo e ao cérebro porem, como qualquer medicamento, deve-se ter muita atenção ao consumo exagerado, aos efeitos colaterais e as contraindicações.


Para conseguir um equilíbrio do nosso corpo e da nossa mente não basta só consumir estas ervas, ter uma vida saudável, uma alimentação equilibrada e mais importante uma prevenir contra os "tóxicos" desse nosso mundo moderno, em vez de tentar cura-los após um longo período de consumo; já dizem os mais velhos "mais vale prevenir do que remediar".