Por aqui mais conhecido por "saúde"
O seu nome vem da posição regular de repouso - a parte anterior do corpo levantada e os membros anteriores unidos, como que rezando (para Deus).

Seu corpo, de formas muito esquisitas, é a adaptado para permanecer camuflado confundindo-se com a vegetação (mimetismo) onde normalmente vive (o corpo fino, esverdeado, alongado e imóvel confunde-se com ramos de qualquer planta e as asas com as folhas).

Normalmente, alimenta-se de pequenos insetos (moscas, abelhas, gafanhotos, cigarras, etc.) que captura com suas patas dianteiras longas e que funcionam como uma eficiente pinça cheia de espinhos, que executa apreensões extremamente rápidas, que trazem a caça diretamente para a sua forte mandíbula.

Este inseto original tem cinco olhos ! Dois deles (olhos compostos) situados em pontos convencionais são capazes de acompanhar os movimentos de todo o que se mexe em seu redor. Os outros três, localizados na região da testa, existem para detectar variações de luminosidade e são importantes pois seus hábitos de vida são estreitamente ligados com a percepção da incidência de luz local a cada momento.

Quando dois machos encontram-se, e caso um deles não se retire rapidamente em fuga, acontece uma luta fatal para um deles. Esta pugna começa com os contendores na posição de guarda dos boxeadores. O vencedor mata e se alimenta do vencido e, de barriga cheia, dorme um bom sono em posição de reza.

Um fato incrível - no acasalamento, o macho serve de alimento para "sua amada". A fêmea agarra seu companheiro ("ex-companheiro") pelo pescoço, arranca e come sua cabeça - neste momento, podemos entender que ele literalmente "perdeu a cabeça por ela". Curiosamente, o "resto" do corpo do macho continua atuando para terminar a fecundação da fêmea - uma incrível realidade !! Terminadas as "núpcias", a fêmea esconde-se entre as folhas e vai "rezar".
Vamos tentar entender as implicações deste fato na biologia deste bichinho - em verdade, esta atitude da fêmea promove uma "adaptação" da espécie ao ambiente. Uma vez alimentada pelo corpo de seu parceiro ela permanece escondida (está nutrida até quase o momento da postura dos ovos) na vegetação evitando ser facilmente encontrada e devorada por pássaros, seus inimigos naturais. Mais - tudo indica que ao devorar a cabeça do macho, a atuação dos centros nervosos secundários abdominais restantes no parceiro fazem a fecundação ocorrer de forma muito mais efetiva (maior quantidade de sêmen é transferida para o corpo da fêmea) - pelos filhos, TUDO !.

No momento da postura, a fêmea deposita os ovos em uma ovoteca (recipiente que contém e protege os ovos) feita com várias camadas de espuma protetora expelida pela cuidadosa mamãe para manter os ovos fixados no galho de uma planta.

Cada um dos filhotes tem sua primeira fase de desenvolvimento no interior de um abrigo vermiforme. Saem de lá já com a forma de diminutos louva-a-deus.

Outras fotos:

 

 

OUTRAS FOTOS (curiosidades)

Vacas…

vaca com cria…

Ratos…

podem ser pequenos dentro de casa, mas também temos grandesratazanas…

Porcos…

porca com crias…

Vespas…

mais conhecida por mosca de ferrão…

Mil pés…

nosso maior inimigo... ele ataca praticamente todos os horticulose as frutas, ele domina aqui porque…

Lagarta da beringela…

Uma lagarta muito bonita, do tamanho do dedo do meio + ou - que faz um barulho muito estranho…

Desconhecido…

desconhecido…

Croco…

mosca da fruta mais conhecida por croco, ataca essencialmente as cucumbas no períododa floração…

Centopeia…

um dos mais temidos aqui por causa da sua picada venenosa... esta possuio mesmo veneno que o escorpi…

Libelula…

libélula vermelha aqui conhecido com caranguejo vermelho…

Cabra…

minha primeira cabra com seus dois filhos…

Borboleta Papilio Demodocus…

Borboleta do limoeiro…

Borboleta monarca africana…

As Borboletas-Monarca Africanas são comuns por toda a África. Tendo relação com as semelhantes Borbo…

Aranha…

Excelente caçador de moscas e outros insetos…

Louva Deus…

Por aqui mais conhecido por "saúde"O seu nome vem da posição regular de repouso - a parte anterior d…

Abelha…

Temos uma colmeia de abelhas... não conheço a procedência delas, elas não são grandes produtoras de…